Feed on
Posts
Comments

Category Archive for 'Organizativos'

O significado individual, aquilo que só nós podemos dar ao mundo, é o que nos acalma e tranquiliza, pois é a única forma, a meu ver, de acordar na segunda-feira com vontade de sair para a rua e chegar na sexta sem a vontade de encher a cara. O que queremos como humanos? Freud apostava […]

Read Full Post »

Conversando com o Alexander Rodrigues, ele questionou o modelo das Eras Cognitivas estar colocado deitado e não em pé, como um Espiral. Ontem, em sala de aula o tema voltou, a partir de um questionamento de um aluno mais reticente às mudanças, que sempre dizia que “desse jeito vamos voltar para o mesmo”. E isso […]

Read Full Post »

Não é possível mais que as organizações se comuniquem com a sociedade apenas usando a escrita e a voz, através de perguntas e respostas, nos ineficientes call-centers, que não param de crescer, mas não dão conta do que se REALMENTE quer, irritando cada vez mais a sociedade. Este artigo apresenta bem os sintomas, sem apontar […]

Read Full Post »

Vou estar ministrando duas aulas no curso Aperfeiçoamento Big Data Estratégico Web Intelligence e Analítica de Dados do Crie/UFRJ. Segue abaixo a ementa das aulas: Módulo 01 – Governança da Espécie 3.0: visão teórica: O que é uma Revolução Cognitiva? Quando ocorreram na história? Quais as consequências para a sociedade e os negócios? Qual a relação das Revoluções […]

Read Full Post »

Podemos dizer que a comunicação algorítmica colaborativa  é a grande novidade da chegada da Internet.  Note que: – comunicação sempre existiu na espécie humana; – os algoritmos começaram a ser usados com o computador; – a colaboração algorítmica involuntária começou a ser testada pelas empresas ao colher dados de ações dos usuários, tais como empresas de […]

Read Full Post »

O desafio de um Profissional Incentivador de Migração para a nova Governança não é fácil, quando estamos falando de capacitar migrantes (aqueles que estão trabalhando e operaram bastante tempo na atual Governança). Temos que levar um profissional do ponto “a” – visão e ação na atual governança; E conduzi-lo para que possa exercer o “ponto […]

Read Full Post »

Quem tem acompanhado este blog, sabe que estamos empenhado em uma tarefa hercúlea, a saber: – desenvolver uma nova visão filosófica da tecno-espécie, que chame de filosofia tecno-cognitiva, que é um aprofundamento filosófico das teorias da Escola de Toronto; – desenvolver uma nova área que é a Antropologia Cognitiva e, dentro dela, a ideia das […]

Read Full Post »

“A pessoa pode suportar perder tudo na vida, menos o significado” – Victor Frankl; A questão do significado é algo interessante, pois vivemos, no fundo, uma luta contra a baixa Taxa de Significado do mundo. Disse aqui nesse vídeo, portanto, que a luta pelo significado é uma luta política! Toda a estrutura de poder, seja […]

Read Full Post »

Vejam o gráfico abaixo: Note que tivemos, a partir de 1450 uma construção de ideias e valores para a mudança de Governança da Espécie, que vai ocorrem em 1800, com as Revoluções Liberais. Há uma curva ascendente no gráfico. É o momento do Pêndulo Cognitivo de Expansão, que podemos chamar de Primavera Cognitiva, quando as […]

Read Full Post »

A alta Taxa de Concentração de Poder pede necessariamente uma baixa Taxa de Subjetividade social! Entendo subjetividade como espaço interno de cada ser humano de pensar e se repensar o que sente e pensa e transformar isso em ações práticas que guardam uma relevante coerência com o que pensou. (A pessoa pode até pensar muito […]

Read Full Post »

Quando se trabalha com aulas participativas, há sempre um pé atrás dos alunos se eles serão manipulados ou persuadidos pelo coordenador das atividades. Gosto de trabalhar com o termo coo-vencimento, que é melhor que convencimento, quando alguém “vence” alguém. A persuasão, que podemos chamar que é algo parecido com o coo-vencimento, é o trabalho de […]

Read Full Post »

Um laboratório dedutivo deve ser criado quando há problemas teóricos e filosóficos para lidar com um dado problema complexo. Metodologias já não são mais eficazes, ver mais detalhes aqui. Rever teorias e filosofias exige um exercício de lógica e não apenas de análise de fatos. É preciso colocar na bancada o seguinte: Existe algo que […]

Read Full Post »

Não existe um pesquisador sem um laboratório. Teorizar é colocar algo dentro de um laboratório para se analisar e concluir algo. Dependendo do problema que se estuda, existem vários tipos de laboratório. Laboratórios que conseguem controlar o problema – existem problemas que são passíveis de reproduzir os fenômenos no laboratório – são o que chamo de […]

Read Full Post »

Podemos dizer que a sociedade tem variações nas Taxas de Circulação Horizontal de Ideias. Antes da prensa, em 1450, a taxa era mais baixa que depois da prensa, pois houve uma redução de custos para que as ideias fossem reproduzidas, criando-se novos canais, que antes o Ambiente Cognitivo não oferecia. Antes da Internet, a taxa […]

Read Full Post »

O ser humano, qualquer um, tem três necessidades, que podemos chamar de ambição. Ter ambição não é um “pecado”. O problema é a alta taxa de ambição, que podemos chamar de ambição tóxica. São três demandas, como vemos na figura abaixo:   A fama é o desejo de ser reconhecido; O poder é o desejo de […]

Read Full Post »

Este seria o sonho de toda a Escola de Toronto e de McLuhan seu principal representante, que afirmou “O Meio é a massagem”, que acabou ficando “O Meio é a mensagem”. Ou seja, independente daquilo que você vê na televisão, ela está mudando a sua cabeça. E isso se daria também com todos os outros […]

Read Full Post »

Já vimos aqui o problema do ceticismo tóxico para a inovação. O ceticista tóxico não é um ceticista passivo, mas ativo. Ou seja, ele defende com argumentos que nada deve ser feito em nome de que nada funciona mesmo, é melhor deixar do jeito que está. É diferente do ceticismo passivo, que está na mesma onda, […]

Read Full Post »

O que realmente muda nas organizações no novo mundo digital? A tomada de decisão atual, baseada no oral e escrito, que tinham suas limitações, passa para o digital, através do uso intenso de algoritmos. Objetivo: aumentar a produtividade, reduzindo custo. Como? Tirando o poder do atual gestor em decidir, a partir das informações orais e escritas, contando […]

Read Full Post »

Podemos dizer que uma inovação precisa negociar com o passado e isso implica em um esforço. Tudo que implica esforço tem um custo, pois alguém (ns) terá que dedicar um número de horas para negociar uma determinada mudança. O pessoal da gestão da mudança lida com isso. Equipe de desenvolvimento da inovação – há um […]

Read Full Post »

Ninguém inova em Marte, mas no planeta terra, dentro de uma sociedade humana. Assim, há o passado com produtos e serviços que existem. Alguém inventou algo e outros resolveram adotar. Há, assim, um problema qualquer que já está sendo resolvido de uma determinada maneira e o inovador vai chegar para propor uma nova maneira. Ou […]

Read Full Post »

Muitos afirmam que a Ciência visa procurar a verdade ou o conhecimento. Acho que é um caminho equivocado. A Ciência nasceu para resolver problemas humanos complexos e quando foge disso se perde. Há o fim, assim, ético da Ciência que é resolver problemas, que causam sofrimento aos seres vivos. É o que nos resta em […]

Read Full Post »

Outro dia me chamaram para um encontro fora do Rio. E eu perguntei se iria dar palestra e me responderam: “Não, aqui não tem isso, é tudo em rede”. Criaram a ideia de que rede é um objetivo, um fim em si mesmo. Nada mais equivocado. Redes são ferramentas humanas que variam de modelos, conforme […]

Read Full Post »

Quem faz teoria escreve para si mesmo. O grande desafio é poder superar o que pensava ontem. Trabalho com este modelo do ato do conhecimento: A narrativa é o que vai se construindo fora de você. Os rastros. A impressão vem de fora, a partir da interação com fatos e ideias. Há um espaço de reflexão […]

Read Full Post »

Podem falar à vontade, mas a ciência tem o papel de ajudar o ser humano a tomar melhor decisões em todas as áreas. Todo o resto é papo para boi dormir. Nem sempre uma decisão conta com uma teoria consistente. Vivemos o fim de uma Ditadura Cognitiva que faz com que, cada vez mais, tomemos […]

Read Full Post »

Há duas batalhas para se conseguir vencer barreiras na aula participativa, no que chamei de Didática Reversa: – os problemas emocionais – que impedem de agir diferente; – os problemas cognitivos – que impedem de pensar diferente. Quando se vai estrutura um curso participativo deve se procurar identificar as dificuldades nos dois campos para poder […]

Read Full Post »

Cepticismo ou ceticismo é qualquer atitude de questionamento para o conhecimento, fatos, opiniões ou crenças estabelecidas como fatos. Ninguém é totalmente cético, ou totalmente não cético. Temos que colocar taxas. Quando a taxa de ceticismo chega a determinado nível, podemos dizer que beira o Ceticismo Tóxico. Que é uma atitude na vida que leva a pessoa […]

Read Full Post »

Há dez anos dou aulas participativas. A maior dificuldade que tive ao longo destes anos do ponto de vista coletivo é lidar com o perfil reativo das pessoas. A maioria dos alunos sofre o mal da passividade e da baixa taxa de reflexão sobre o que recebem da vida. Isso se revolve, através de muita […]

Read Full Post »

O fim da Idade Média é bastante similar ao movimento que estamos vivendo hoje, nas devidas proporções. Quem quer projetar de forma eficaz o futuro, tem esse caminho histórico maravilhoso, pouco explorado pelos estrategias de plantão. Durante a Idade Média houve a consolidação do Altar como o grande canal de comunicação de  massa (podemos brincar […]

Read Full Post »

Já abordei aqui que em uma Expansão Cognitiva vamos partir para aulas cada vez mais participativas baseada em problemas. O ensino baseado em problemas nos leva a uma didática reversa. O problema não é resolvido de forma mais eficaz, pois há impasses afetivos e cognitivos que estão impedindo os alunos de vê-lo melhor e agir […]

Read Full Post »

Há uma forte guinada no século XXI na produção e compartilhamento do conhecimento. Uma sociedade regida por uma Contração Cognitiva tem  uma Baixa Taxa de Inovação e, por sua vez, a produção e compartilhamento do conhecimento tende a ser consolidador, baseado em assuntos, pois são mais controlados; Uma sociedade regida por uma Expansão Cognitiva tem […]

Read Full Post »

O Brasil de maneira geral não se acha no direito de inventar nada. Não se acha capaz, pois acredita que o que pensa, sente não é algo que pode ser sentido ou pensado, pois está aquém de uma determinada “excelência fantasiosa” que é feita lá fora. É um país que prefere seguir os outros. Somos […]

Read Full Post »

Uma Revolução Cognitiva é marcada pela introdução de um novo Tecno-código que permite que a espécie seja mais flexível e potente, nos dando novas possibilidade de tomadas de decisão mais baratas, o que nos leva a um novo modelo de Governança da Espécie.  Revoluções Cognitivas são uma resposta coletiva para fazer frente aos desafios que aumentos […]

Read Full Post »

Vendo e debatendo o filme Lutero, de novo, com minha nova turma da Iplan (ver áudio completo aqui), pensei novas coisas sobre a Revolução Cognitiva da Escrita. A escrita surge há 10 mil anos e tem uma longa trajetória. Podemos dizer quem uma Revolução Cognitiva tem duas fases: – a de introdução do novo Tecno-código […]

Read Full Post »

Podemos chamar de Ditadura Cognitiva um período na história em que há forte concentração de circulação de ideias em torno de poucas organizações. As Tecnologias Cognitivas, por suas características, favorecem a concentração. Ditaduras Cognitivas provocam a redução da Taxa de Diversidade da Espécie. O que significa: Redução da capacidade de crítica; De abstração; De argumentação; […]

Read Full Post »

Teorizar é o exercício intelectual, que visa criar leis provisórias que possam reorganizar fenômenos do passado e projetar futuros, através do estudo das forças e a relação entre elas dentro de diferentes contextos. O objetivo, assim, das teorias é criar leis, que vão servir de base para que as metodologias possam atuar no mundo, guiando […]

Read Full Post »

O principal problema que tivemos até aqui é como escutar mais gente para decidir, de forma barata e ágil. Os gregos inventaram a praça, baseado no oral; Os iluministas inventaram o voto, baseado no escrito. Mas as consultas para tomada de decisão sempre foram custosas. O impedimento justificaram o fato de poucos decidirem por cada […]

Read Full Post »

Ontem na palestra uma pessoa comentou algo interessante. Já ouço estas previsões mais radicais há um tempo, mas tudo continuou mais ou menos igual. Argumentando contra as minhas ideias das mudanças radiciais que o Digital trará ao mundo. O problema é que tudo que analisamos até aqui do digital estava na sua fase de consolidação […]

Read Full Post »

A filosofia nos ensina que existem duas formas de abordar um problema: A indutiva – a mais tradicional, rápida, mais comum no dia-a-dia que vou chamar de martelo, na qual você apenas se baseando na sua experiência, intuição, contatos, emoções, conversas para chegar a uma conclusão de como abordá-lo. Aqui você vem dos fatos para as […]

Read Full Post »

Estou na estrada do empreendedorismo digital, desde 1995, com mais de 400 projetos nas costas. Tive algumas fases na minha empresa: – a que fazia homepages; – a que fazia softwares web. E agora estou na que: – faz teorias. Vocês podem achar que enlouqueci, pois é preciso se perguntar se uma startup pode vender […]

Read Full Post »

Note que estamos vivendo um fenômeno novo. Revoluções Cognitivas no passado eram muito lentas.  Duravam milênios. Evoluções Cognitivas levavam menos tempo, mas eram séculos. (Ver a diferença entre uma e outra aqui.) A Revolução Cognitiva Digital tem uma característica própria da velocidade. O que no passado se levava séculos para perceber o efeito, hoje estamos levando […]

Read Full Post »

Vivemos hoje uma Revolução Cognitiva diferente da:  Evolução Cognitiva Reintermediadora do Papel Impresso ou a; Evolução Cognitivo Intermediadora dos Meios de Comunicação de massa. Como distinguir? Uma Revolução cria um novo Tecno-código, que nos permite criar canais de Comunicação completamente novos e permitir uma mudança radical na Governança da Espécie; Uma Evolução atualiza um Tecno-código […]

Read Full Post »

Diferente do que achávamos, nossa maneira de pensar é condicionada pelos Ambientes Cognitivos, que quando mudam se tornam o marco zero para as mudanças da forma de pensamento da Espécie. Fiz abaixo um desenho de como o pensamento evolui no tempo, a partir de uma Revolução Cognitiva.  Veja o desenho, que vou detalhar abaixo:   […]

Read Full Post »

A espécie humana, artificial como ela só, precisa para sobreviver criar organizações. A Governança da Espécie é exercida, através de organizações que fazem por nós aquilo que não podemos fazer sozinhos. Quanto mais gente tivermos no planeta, mas as organizações terão que fazer por nós e mais terão que se sofisticar. O problema que existe […]

Read Full Post »

Já defendemos que teoria é o estudo das forças em movimento e seus contextos. O primeiro passo para se dedicar ao estudo de um dado problema é identificar as forças. Isso é um passo relevante. Porém, se é uma força ela tem dois extremos. De máxima e mínima potência. Uma determinada força, assim, tem seus […]

Read Full Post »

Por quê? Por que se baseia na ideia de Ciências por assuntos ou áreas. A rede é uma ferramenta a serviço de solução de um problema maior, que vai agregando, ao longo do tempo, mais e mais elementos, que hoje estão divididos em outras ciências, como detalhei aqui. Uma ciência da rede é uma ciência […]

Read Full Post »

A Ciência começou quando um conjunto de pessoas mais experientes precisou se reunir para resolver um problema sofisticado ou mais complexo que a galera não conseguia. Assim, a origem da ciência é resolver problema que a maioria das pessoas não tem condições e/ou tempo para resolver. Como o passar dos séculos, fomos criando a ciência […]

Read Full Post »

Podem jogar pedra na nossa sociedade, mas ela não podia aumentar a taxa de diversidade humana. O motivo é simples. Não tínhamos ferramentas para lidar com uma diversidade muito grande. A diversidade aumenta a complexidade da tomada de decisões, o seu custo e a sua qualidade, pois temos um problema de tempo. O mundo da […]

Read Full Post »

Vejamos o quadro abaixo:   A base da Governança da Espécie é o Tecno-código. O Tecno-código é a tecnologia básica da espécie que dá a base de como expressamos nossas ideias e como elas vão circular na sociedade. Os Tecno-códigos condicionam os Canais de Circulação de Ideias. Os Canais de Circulação de Ideias se utilizam […]

Read Full Post »

A autenticidade não é um lugar, mas um caminho. Uma taxa, que sobe e desce. Autenticidade é a capacidade de você lutar contra aquilo que te impuseram. Não é assim uma força autônoma, mas o resultado de um conflito daquilo que você não acha que é você do que acha que é. O resultado diário […]

Read Full Post »

Escrevi aqui sobre os impasses do Taxibeat e mostrei que estamos chegando a um impasse interessante. Note que já vivemos um processo intenso de Reintermediação das novas organizações. Organizações como o Facebook, Google, com seu Youtube, Amazon, Mercado Livre chegaram na frente e souberam usar o novo Modelo da Governança Digital. O que elas fizeram […]

Read Full Post »

Quando um tecno-código muda de forma radical –  e por isso temos uma Revolução Cognitiva – podemos identificar algumas mudanças no modelo da sociedade, como vemos abaixo:     Modelo Mental – primeiro, temos uma mudança do Modelo Mental – muda-se algo de forma definitiva e autônoma dentro do cérebro; Modelo de Governança – Depois, […]

Read Full Post »

Muita gente acha que teoria é vento. Quem acha isso é por que não consegue perceber o quanto de teoria está contida nas suas ações. São pessoas que levam a vida a la Zeca Pagodinho, “deixa as teorias me levarem”. Ou seja, as teorias só são invisíveis para os que não pensam nela, o que denota uma […]

Read Full Post »

Profissional é aquele que sabe fazer. Ética é tudo aquilo que queremos fazer, não o que somos obrigados, para que possamos reduzir sofrimento dos seres vivos. Diria melhor, profissional é aquele que resolve melhor um dado problema. Ou aquele que consegue de forma mais sustentável (custo social/benefício) minimizar o máximo um dado problema. Assim, cada problema […]

Read Full Post »

Sombras Cognitivas – são fatos que ficam sem a possibilidade de registros, devido à limitação dos Tecno-códigos de plantão, que variam conforme o movimento do Pêndulo Cognitivo, que nos leva à Expansão ou Contração Cognitiva. Há uma relação entre Complexidade Demográfica, Governanças da Espécie e Sombras Cognitivas, como vemos na figura abaixo: Diria que: Quanto mais […]

Read Full Post »

Nosso cérebros não funcionam no vazio.   Vivemos encaixotados de diversas formas. A questão cultural é a mais visível, mas acredito que teremos que trabalhar com um novo conceito para entender a nossa Tecno-espécie: a questão do modelo mental. O Modelo Mental é algo que a neuro-ciência vai ter que se dedicar cada vez mais, […]

Read Full Post »

Peguei do Blog da Luciana Sodré o seguinte trecho: Em 2008, por exemplo, o Google conseguiu antecipar em 7 a 10 dias, a dinâmica da contaminação pelo vírus da gripe H1N1, baseado nos dados de utilização da ferramenta de busca dos seus usuários. Rastreando o conteúdo das buscas, a empresa conseguiu identificar correlações inusitadas entre […]

Read Full Post »

Acredito que a discussão sobre otimismo e pessimismo é mais uma falsa questão, como várias outras. A pessoa só é algo se atua, enquanto pensa ou mesmo fala, mas não atua, a sua capacidade de intervenção é pequena, excetuando os que tem acesso a grandes canais de comunicação. Ou seja, viver é agir. Quem não […]

Read Full Post »

Toda época tem uma janela de mudanças. Hoje, se o Cazuza estivesse vivo e ainda estivesse procurando uma ideologia para viver, deveria ser um implantador de nova Governança Digital. Implantar Algoritmos de Colaboração de Massa por aí para que pudéssemos ter um modelo mais horizontal, mais aberto de comunicação. Quando vejo a garotada implantando estes […]

Read Full Post »

Não existe  um bloco monolítico no mundo. Nem tudo vai em direção à diversidade e nem tudo vai apenas em direção à pasteurização. Em cada época, existem movimentos nas duas direções. É verdade, que, a pasteurização é mais incentivada, pois é mais barata, como disse aqui. E será mais em mais, conforme aumenta o tamanho […]

Read Full Post »

Digamos que existem dois movimentos humanos: – a pasteurização – reduzir a taxa de diversidade; – a diversificação – aumentar a taxa de diversidade. Ambas, oscilam quando temos movimento do Pêndulo Cognitivo. Na Expansão Cognitiva, a diversificação aumenta a taxa; Na Contração Cognitiva, a pasteurização aumenta a taxa. O ser humano precisa resolver seus problemas […]

Read Full Post »

Arrisco a provocar que trabalhar com motivação é justamente trabalhar contra a desmotivação. O que é motivação? Ter um motivo para fazer algo. O ser humano já acorda com um motivo: sobreviver e, se possível viver. E melhor ainda, se mais possível viver com qualidade. Muita gente tem necessidade de incluir no quesito qualidade – […]

Read Full Post »

Aula Conjunta 01 – 15/04/14 Presença ilustre de Sandro Barreto, Gerente de Marketing do Taxibeat, eis as fotos. Depois, tivemos a apresentação do laboratório e o encontro das duas turmas básica e avançada, quando dúvidas foram tiradas. Segue o áudio completo: Complementei o texto escrevendo o seguinte post: “Qual é a saída para o Taxibeat?“. […]

Read Full Post »

Estamos vivendo no macro-cenário a passagem de um modelo mental da Governança Oral-Escrita para a Digital. O filósofo que deu partida nisso foi Edgar Morin, o que faz parte das etapas da implantação da nova Governança da Espécie. Se inicia com os novos Tecno-códigos e depois precisamos de um novo modelo mental para lidar com […]

Read Full Post »

É comum me perguntarem o que podemos esperar da implantação de Laboratórios de Inovação Disruptivos Digitais? Posso detalhar o seguinte: Ganho intangível número 01: criação de novo modelo mental de pensamento, mais apto a lidar com a complexidade da Governança Digital. Isso é passado para os participantes, com mais ou menos aceitação, conforme cada perfil; […]

Read Full Post »

Qual a diferença enter o processamento de dados com ou sem algoritmos.  O processamento de dados sem algoritmos tem uma capacidade limitada de quantidade de dados e permite um número limitado de automatização das decisões. O processamento de dados com algoritmos tem uma capacidade muito maior de quantidade de dados (com algoritmos cada vez mais […]

Read Full Post »

Se vamos brincar de versões podemo separar três tipos de organizações: – as 1.0 – que não usam algoritmos de colaboração de massa para fazer negócios; – as 2.0 – que usam algoritmos de colaboração de massa para fazer negócios; – as 3.0 – que usam os algoritmos de colaboração de massa para dividir os ganhos. […]

Read Full Post »

O epicentro de uma nova Governança da Espécie é a capacidade que temos de criar uma nova maneira de pensar mais compatível com os novos Tecno-códigos que surgem. Muita gente joga pedra no método cartesiano, mas não percebe que ele foi um GRANDE SALTO diante da maneira de pensar da Idade Média. A ideia básica, […]

Read Full Post »

Tendo como base, a nova Governança Oral-Escrita Impressa,  implantada, a partir de 1450, posso criar a seguinte hipótese, como sempre preliminar, da chegada e implantação de uma nova. – Surgimento e massificação do Tecno-código; – Ante-projeto – criação de uma nova maneira de pensar mais sofisticada (filosofia/epistemologia); – Projetos – tentativas e erros de implantação de […]

Read Full Post »

Não existe qualquer discussão cabível sem um sentido ético: para que e para quem se faz o que? Se não há um propósito objetivo, tudo se torna subjetivo e sem possibilidade de métrica, pois se não há um objetivo não se pode saber se ele foi alcançado! O ser humano só pode ter um objetivo […]

Read Full Post »

Não existe um curso que eu participe, que eu não crie um espaço a distância. Uma aula participativa é algo que mexe muito com a cabeça de todo mundo. E é preciso criar um espaço de conversa ao longo dos intervalos entre os encontros para que as reflexões possam ir sendo compartilhadas. Além disso, tem […]

Read Full Post »

« Newer Posts - Older Posts »

WhatsApp chat