Feed on
Posts
Comments

O que faz?

A partir do cenário feito por um Futurista, analisa metodologias que viabilizem a competitividade de pessoas e organizações num cenário futguro.

O que entrega?

Uma metodologia de migração do antes e depois de determinada mudança de cenário.

Seguido de um Mapa de Ações Estratégicas para manter o cliente competitivo.

O que não faz?

Não faz o cenário, que é feito pelo Futurista.

Se encarrega de executar o Mapa de Ações Estratégias, pois isso acaba criando um problema ético. Isso é missão do Transformador Competitivo, aquele que segue as orientações para que o plano funcione.

Veja aqui a Ética do Profissional de Inteligência Competitiva.

8 Responses to “Profissional de Inteligência Competitiva – anatomia de uma profissão”

  1. […] tomar melhores decisões na Era Digital terá que optar pelos autores, consultores, Futuristas ou Profissionais de Inteligência Competitiva, que optam pelo segundo […]

  2. […] O trabalho do Futurista antecede ao do Profissional de Inteligência CompetitivaF(PIC) […]

  3. […] Profissional de Inteligência Competitiva trabalha com conceitos metodológicos e precisa de área do cérebro, que consiga conectar à […]

  4. […] Profissional é aquele que recebe um Mapa da Competitividade do Profissional de Inteligência Competitiva e […]

  5. […] Profissional de Inteligência Competitiva tem como função entregar um Mapa de Competitividade para o Profissional Operacional da […]

  6. […] da qualidade do Futurismo, que o Profissional de Inteligência Competitiva pode fazer seu Mapa da Transformação Digital e o Transformador Digital poderá executá-lo com […]

  7. […] que o Futurismo é o elo principal que une todas elas, pois é do cenário que traçamos, que um Profissional de Inteligência Competitiva pode trabalhar e, por sua vez, um Profissional Operacional de Competitividade pode ir […]

Leave a Reply

WhatsApp chat