Feed on
Posts
Comments

Acredito que o principal personagem para promover a Transformação Digital nas Organizações é um Profissional de Inteligência Competitiva.

O que temos que promover é a Transformação para a competitividade diante das mudanças do mercado (concorrentes e clientes) e não a Transformação puramente tecnológica.

É a Transformação Por Causa do Digital, que tem provocado na sociedade um fenômeno que chamamos aqui de Big Bang Administrativo.

O problema que temos no mercado é que o Profissional de Inteligência Competitiva foi preparado para um futuro incremental, um futuro conhecido, com fenômenos conhecidos que alteravam o cenário.

Hoje, vivemos uma irregularidade de cenário, com forças mal avaliadas, alterando o futuro e precisamos, pela ordem:

  • Reavaliar as forças para realizar um diagnóstico eficaz;
  • E depois traçar metodologias de ação para manter pessoas e organizações competitivas.

Temos hoje no mercado, entretanto, uma baixa taxa de Inteligência Competitiva, pois as emoções estão dificultando, em muito, a capacidade das pessoas e organizações poderem atuar com mais eficácia.

A mudança que estamos vivendo é muito profunda e ao mesmo tempo rápida.

Um Profissional de Inteligência Competitiva, quando se vê diante de um Cenário Irregular e desconhecido precisa, antes de traçar as metodologias de ação, rever as forças, pois tem que admitir que haviam:

  • Forças subavaliadas – que estão alterando o cenário de forma não tradicional;
  • Forças superavaliadas – que não estão mais mantendo o cenário do jeito que era antes.

Nestes casos, o PIC precisa utilizar novo ferramental de análise que chamamos aqui de Futurismo Dedutivo e não o Futurismo Indutivo.

No nossa análise vivemos hoje um Ambiente Bimodal e isso nos faz precisar de PICs Bimodais.

A formação de Profissionais de Inteligência Competitiva Bimodais mais eficazes é uma das metas da Escola de Pensamento Bimodal.

Acreditamos que a mudança é tão profunda, que é preciso, pela ordem:

  • Trabalhar com novas ciências emergentes, tais como a Filosofia da Tecnologia, Antropologia Cognitiva, Administração Mutante;
  • E criar um conjunto enorme de conceitos, que nos permitam enxergar o futuro com mais clareza.

Se quiser fazer parte da nossa comunidade, basta me mandar um zap: 21-996086422

O conceito “Profissional de Inteligência Competitiva Bimodal” faz parte dos Pilares Estruturantes da Escola de Pensamento Bimodal.

7 Responses to “Profissional de Inteligência Competitiva Bimodal”

  1. […] A disrupção não vê oferta presente, apenas demanda futura Profissional de Inteligência Competitiva Bimodal […]

  2. […] por causa disso, me parece lógico convocar Profissionais de Inteligência Competitiva, com formação específica para a competitividade, que tem como missão manter o valor das […]

  3. […] Profissional de Inteligência Competitiva Bimodal precisa se munir de novas ciências para poder praticar o seu […]

  4. […] Profissional de Inteligência Competitiva Bimodal precisa se munir de novas ciências para poder praticar o seu […]

  5. […] que traçamos, que um Profissional de Inteligência Competitiva pode trabalhar e, por sua vez, um Profissional Operacional de Competitividade pode ir […]

Leave a Reply to Nepôsts – Rascunhos Compartilhados – 10 anos » Blog Archive » O que é futurismo?

WhatsApp chat