"Não há explicações finais apenas explicações melhores" - Gleiser;

Resultados de busca / revolução da informação

Informação e Conhecimento – comentários sobre artigo

Acabo de reler o artigo Informação, Comunicação, Conhecimento: Evolução e Perspectivas  de Amarildo José, publicado em 2007, na Revista Transinformação.   O texto está muito próximo da minha tese de doutorado, pois discute o papel do conhecimento e da informação, procurando uma visão histórica. Logo no início o autor diz o seguinte: ” Pensar uma...
Por que teremos outro tipo de hipocrisia com as redes sociais?

Por que teremos outro tipo de hipocrisia com as redes sociais?

O uso de dois pesos e duas medidas também costuma ser chamado de hipocrisia – Rodrigo Constantino – da coleção;  (O post é um resumo e um mix de outros para aprofundar o tema.) Segundo Houaiss, Hipocrisia é o ato ou efeito de fingir, de dissimular os verdadeiros sentimentos, intenções; fingimento, falsidade. A hipocrisia é a cortina social...
Nepô ao Vivo 5.0 - Próximo -->28/11/2011

Nepô ao Vivo 5.0 – Próximo –>28/11/2011

COLOQUE NA AGENDA: PRÓXIMO ENCONTRO: 28 de Novembro – 18:00 hs, inscrições pelo Facebook –> Aqui.   –> Vídeo completo do quarto programa; –> Vídeo completo do terceiro programa; –> Vídeo completo do segundo programa; —>  Vídeo completo do primeiro programa. Sobre o último Nepô ao Vivo: Ontem, fiz o lançamento do e-book-free: “50 coisas...
O preconceito teórico

O preconceito teórico

Não existe nada mais prático do que uma boa teoria - Kurt Lewin – da coleção; No nosso encontro II em São Paulo, caiu uma ficha interessante. Temos tido um cuidado cheio de dedos para dizer que vamos fazer um curso mais filosófico, mais teórico, mais embasado, mais quebrador de paradigmas. Temos que colocar isso...

10 coisas que aprendi sobre política 2.0

  Você tem que ser a mudança que você quer para o mundo – Gandhi; 1- com a revolução da informação em curso estamos diante de uma mudança radical na forma de se fazer política; 2- estamos apenas começando a questionar a atual democracia, mas não se iluda com a solidez do modelo atual, muitos questionamentos...

10 coisas que aprendi sobre debates 2.0

Na sala de aula, nem sempre o senso incomum vem do professor –Nepô – da safra 2011; (O texto abaixo formará um livro, “50 coisas que aprendi sobre o mundo 2.0″. Colaborações são bem vindas e os que ajudarem na revisão, melhoria do texto serão citados nele. Ver também outros posts para o e-book. ) ————– 1- com...

10 coisas que aprendi sobre Governo 2.0

GOVERNO 2.0 NA REDE SOCIAL: RISCOS E ESTRATÉGIAS Projetando cenários reais e preparando as mudanças nas estruturas de relacionamento entre governo e sociedade 22 e 23 de Setembro de 2011 –  BRASÍLIA (ABERTA PRÉ-INSCRIÇÕES) —————- (O texto abaixo formará um livro, “50 coisas que aprendi sobre o mundo 2.0″. Colaborações são bem vindas e os...
Setembro /Rio/Presencial/Curso --> Internet – onde estamos para onde vamos?

Setembro /Rio/Presencial/Curso –> Internet – onde estamos para onde vamos?

  Estarei no Leblon – no Centro Cultural Midrash para um curso interessante de seis encontros, que será o meu grupo de estudos do segundo semestre, veja a programação: Rua General Venâncio Flores, 184 Leblon – Rio de Janeiro – RJ 55 (21) 2239-1800 Investimento: R$ 300,00 O site para o evento –> http://www.midrash.org.br/programacao/grupo-de-estudo-internet-onde-estamos-e-para-onde-vamos-carlos-nepomuceno/428 INTERNET –...

10 coisas que aprendi sobre Empresas 2.0

(O texto abaixo formará um livro, “50 coisas que aprendi sobre o mundo 2.0″. Colaborações são bem vindas e os que ajudarem na revisão, melhoria do texto serão citados nele. Ver também outros posts para o e-book. ) 1- A atual revolução da Informação e da Comunicação inaugura um novo ambiente de troca, que irá impactar fortemente...

10 coisas que aprendi sobre Internet

Vivemos um daqueles momentos em que o risco maior talvez seja não apostar em nada – John Elkington; (O texto abaixo formará um livro, “50 coisas que aprendi sobre o mundo 2.0″. Colaborações são bem vindas e os que ajudarem na revisão, melhoria do texto serão citados nele. Ver também outros posts para o e-book. ) 1 –...
Encontros fechados (1.0) versus abertos (2.0)

Encontros fechados (1.0) versus abertos (2.0)

Na sala de aula, nem sempre o senso incomum vem do professor – Nepô – da safra 2011; (Post antigo, revisado) Temos uma prática cotidiana de encontros de pessoas de maneira geral. Salas de aulas, reuniões de trabalhos, cursos a distância, comunidades na Internet. Mas podemos conceituar duas modalidades de encontros: os fechados e abertos, como vou...

Teorias, versões e fatos

Conhecer é se auto-conhecer – da safra de 2011; Temos a fantasia infantil que somos o que pensamos. Me parece que somos o que nos fizeram acreditar o que somos. E o processo de conhecimento não é para fora, mas para dentro. Descobrir como fizeram nossa cabeça e começarmos a refletirmos sobre aquilo que achamos...

Grupo de Estudos em São Paulo!

QuatroxUM e Carlos Nepomuceno se unem. E criam Grupo de Estudos para produzir mais e melhor com inovação   ( VEJA DEPOIMENTO DE CLIENTES QUE JÁ ESTIVERAM COM NEPOMUCENO ) São Paulo, maio de 2011 - A empresa QuatroxUM, de Oscar Ferreira, fundada em março/2010 e mais conhecida como a produtora do circuito4x1, único evento...

Governo 2.0: o que aprendi – ensinando

Uma das coisas mais importantes que devem ser ensinadas nos estabelecimentos educacionais de uma democracia é o poder de pesar os argumentos, preparando-se o espírito dos alunos a fim de que esses aceitem o ponto de vista que lhes pareça mais razoável – Bertrand Russel – da coleção; (As fotos foram tiradas em Brasília durante o...

A coisificação humana

O equilíbrio demorado tende a coisificar o mundo - Nepô – da safra 2011; Acabo de ler atentamente o livro “O Remédio é a palavra” de Edemilson Antunes de Campos, baseado na sua tese de doutorado em que fez uma etnografia sobre o modelo terapêutico dos Alcoólicos Anônimos. (O livro me leva a discutir e pensar em...

O filtro afetivo

Dentro de cada Internauta dorme um telespectador passivo que ainda não amadureceu para ser um agente de informação - Nepô - da safra de 2011; Sim, também já pensei  que a mudança do mundo, com a chegada da Internet se daria por termos todos mais informação. Mas amadureci. Acho que isso é parte, mas tem...

O marco zero

O termo “revolução” serrá utilizado para indicar a velocidade, abrangência e intensidade das mudanças relativas ao fenômeno das mídias sociais – Leonardo Araújo e Rogério Gava; Gostei muito do artigo da Revista Dom, 13, da Fundação Dom Cabral, de Leonardo Araújo e Rogério Gava com o título “Proatividade de mercado e mídias sociais”. (Não achei...

Cursos/Palestras – Nepomuceno

Aqui no BNDES a discussão mudou de patamar após o workshop com o Nepô” - Nelson Pfefer – Gerente de Desenvolvimento de  Recursos Humanos do BNDES; VER AGENDA DOS CURSOS ABERTOS DEPOIMENTOS DE CLIENTES E ALUNOS Uma pedaço do curso em SP em Junho/2011: Wikishop estratégico – onde estamos para onde vamos com o mundo...

Nepô em São Paulo (maio/junho)

Nenhum vento sopra a favor de quem não sabe pra onde ir – Sêneca - da coleção de frases; Estratégia 2.0: A revolução da Informação: onde estamos, para onde vamos? Compreender novas lógicas para ter novas práticas: A relação entre aumento da população e revolução 2.0; A relação entre a revolução 2.0 e necessidade de produzir...

Filtros 2.0

Nós não temos um problema de excesso de informação, mas de filtros – Clay Shirky – da coleção de frases; A Ombusman da Folha, Suzana Singer, há alguns domingos, levantou os principais desafios do jornalismo atual, com a chegada da Internet. Foram eles: Como diferenciar-se nesse mar de informações? O que fazer para atrair a atenção...

O melhor de 2011

MELHORES TEXTOS: Linguagem e documento: fundamentos evolutivos e culturais da Ciência da  Informação – Texto do Marcondes sobre documentos, informação e Ciência da Informação. População mundial: já somos 7 bilhões – texto da Revista National Geographic do início do ano; (veja o vídeo.) Câncer une as melhores Universidades – Dimenstein; Gestão 2.0: sociedade não-linear - Alan Moore,...

Bloqueios cognitivos

Não há uma única categoria ou setor que não esteja vendo grandes rupturas e, cedo ou tarde, todos terão de começar a pensar “Como terei de mudar?” – Tim Brown -da minha adega de frases. Não há uma única categoria ou setor que não esteja vendo grandes rupturas e, cedo ou tarde, todos terão de...

E se for uma nova civilização?

Você precisa dos corações das pessoas – e as empresas só contratam braços – Marco Antunes – da coleção; Na palestra, sobre Mídias Sociais da Aberje semana passada, com a presença do @claudioterra e @fabiocipriani, comigo coordenando os debates, fiz uma pergunta aos dois. Acreditam que estamos, ou não, entrando em uma nova civilização? A...

Grupo de estudos on-line – encontro I

A Web 2.0 deu ao usuário poder de mídia – Caio Túlio Costa – da coleção; Bom, fiz aqui um levantamento geral do formulário que o pessoal preencheu. Veja o resultado. O Luiz postou o áudio completo do encontro aqui. Coloquei também como segunda alternativa: http://vimeo.com/16497164 Deste material todo extraí as seguintes questões a serem...

Democracia e Inovação

Não podemos usar velhos mapas para descobrir novas terras – Gil Giardelli – da coleção; Faz tempo Thomas Malthus escreveu um livro relevante. “Um ensaio sobre o princípio da população ou uma visão de seus efeitos passados e presentes na felicidade humana, com uma investigação das nossas expectativas quanto à remoção ou mitigação futura dos males que...

Intoxicação de egos

Os egos que andavam a pé hoje já estão motorizados- do meu e-book de frases perdidas; Um intoxicação se deve ao uso constante de determinada substância por um longo período, que deixa sequelas, mais ou menos graves. Estamos todos intoxicados de nós mesmos. Motivo: uma sociedade baseada intensamente em alguns parâmetros inviáveis em termos coletivos, no...

Dig 7 – encontro IV

Passamos a primeira parte do filme Lutero. Já fiz várias discussões sobre esse filme no Blog: As duas revoluções da informação A revolta dos sem-alma! A reforma do consumo As 4 fases de uma revolução da informação As duas revoluções Bom, vou falar mais sobre guitarras e tecnologias cognitivas no blog.

Dig 7 – encontro III

As fotos de cima foram do primeiro dia das aulas na Facha. Estivemos ontem reunidos. Discutimos alguns dogmas sobre Internet. Que ela é uma continuidade das outras mídias e não uma ruptura; Que ela é uma tecnologia como outra qualquer e não uma tecnologia cognitiva, que tem suas características especiais; Que esse ruptura nos leva...

O surto filosófico

A arte e a filosofia pretendem tudo aquilo que o poder detesta: demonstrar que a realidade sempre será inventada – Nepô – do e-book; Vamos cavando o buraco e cada vez vai-se chegando mais longe. Cheguei num estágio da discussão sobre a Internet que considero que podemos, ao se comparar a história, conseguir conceituar quatro...

Hipocrisia, sombra e incompetência

O uso de dois pesos e duas medidas também costuma ser chamado de hipocrisia – Rodrigo Constantino – da coleção;   (Este post ficou velho!!! –> Fiz um outro post mais novo sobre isso aqui.) A hipocrisia da atual sociedade está atrapalhando. Sim, eu sei que você anda cansado disso, mas não é do seu consaço...

Os 15 melhores Nepôsts do ano – segundo o próprio autor

!Até aqui! Permitam-me escolher os Nepôsts que considero os principais insights que tive, nem sempre os mais visitados. São eles: A Internet e a crise da inovação produtiva (Aqui versão em inglês); As 4 fases de uma revolução da informação; Filosofia da tecnologia; O valor é um sabonete Sombra 2.0 Anatomia de uma cabeça 1.0...

Sombra 2.0

Falta um link fundamental no mundo moderno para se entender onde estamos e para onde vamos.Há relação direta entre o que somos e pensamos, em função do que os outros podem saber sobre nós.Ou seja, somos regulados pelos outros.Se formos filmados o dia todo, não faríamos determinadas coisas que fazemos.Assim, quanto mais filmados, formos, mais...

Hipócritomêtrometro

O uso de dois pesos e duas medidas também costuma ser chamado de hipocrisia – Rodrigo Constantino – da coleção; Segundo Houaiss, Hipocrisia é o ato ou efeito de fingir, de dissimular os verdadeiros sentimentos, intenções; fingimento, falsidade. A hipocrisia é a cortina social entre o que falamos para todos e o que fazemos, no...

As últimas frases

Vou dar continuidade as frases neste post, colocando as últimas … Ver todas aqui. Ver apenas as minha frases (2011), aqui. As de 2012 estão aqui. (Frases abaixo das mais novas para mais antigas.) Entramos na era da educação, que deve passar da instrução para a descoberta” –  McLuhan; Não podemos jamais nos conhecer, apenas...
Valor 3.0

Valor 3.0

Valor é um substantivo relativo. Depende de um dado contexto, diferente de cachorro, que é sempre um cachorro independente do contexto. O valor é atribuído a alguém, a partir de algum critério dentro de um dado contexto. O que é valor para um pode não ser para o outro. Valor, assim, não pode ser visto...
A nova Governança Digital

A nova Governança Digital

Vimos aqui o seguinte. Que o que rege e define a história da espécie é a Complexidade Demográfica, que fica pedindo uma Governança da Espécie compatível. As organizações acabam a ter que se ajustar a nova Governança da Espécie com o tempo.   Temos, assim, a seguinte ordem lógica de mudanças:   Isso demora um...
Quem é o seu Autor-ponte?

Quem é o seu Autor-ponte?

Tenho defendido que a melhor forma de filtrar o excesso de informação é escolher um autor relevante. Alguém que você tenha a intuição de que realmente vai te ajudar a melhorar a sua visão e prática para minimizar/resolver um dado problema. Minha sugestão tem sido se aprofundar nele para poder superá-lo. Quanto mais fundo conhecer...
As crises dos Ambientes de Pensamento

As crises dos Ambientes de Pensamento

Podemos dizer que vivemos uma crise do atual Ambiente de Pensamento Analógico: Quando temos escassez de canais de informação, você tende a criar teorias mais consolidadas, pois há pouca capacidade de serem questionadas. Há uma baixa inovação do Ambiente de Pensamento da sociedade. Há uma baixa taxa de inovação, forte controle. O Ambiente de Pensamento...
Como as Revoluções Cognitivas afetam o pensar científico?

Como as Revoluções Cognitivas afetam o pensar científico?

O ser humano tem problemas. E procura ferramentas para resolvê-los. Os problemas são nossos objetivos e os meios como vamos resolvê-los. Assim, como todos sabem, a Ciência foi criada para nos ajudar a resolver problemas mais complexos. E ela vive movimentos, conforme o Pêndulo Cognitivo, ora em Expansão, ora em Contração, conforme o surgimento e...
O triângulo do poder:  governança, controle de ideias e tecnologias cognitivas

O triângulo do poder: governança, controle de ideias e tecnologias cognitivas

Há uma relação direta do exercício do modelo de governança da sociedade, o controle das ideias e as tecnologias cognitivas disponíveis. Essa tecno-visão não é corrente e muda bastante a maneira que pensamos as sociedades humanas. Note que podemos dizer que há uma relação, pois:  A governança será compatível com o controle das ideias. Que...
Os principais conceitos do blog

Os principais conceitos do blog

Eis aqui os principais conceitos que tenho desenvolvido. Ambiente Cognitivo Analógico – todos os que vieram antes do Digital – 17/06/14, a partir deste post;  Ambiente Cognitivo – criado a partir do somatório de Tecnologia Cognitiva + Plástica Cerebral + Modelo Mental + Cultura + Organizações, que passam a ser compatíveis entre si – 17/06/14 (um termo...
A baixa taxa de confiança na governança

A baixa taxa de confiança na governança

 A confiança das organizações não era verdadeira, mas feita de forma artificial por falta de opções e intoxicada pelo antigo controle dos mercados e das ideias. Como disse aqui, a governança da nessa espécie é variável, em função da demografia e o aparato tecnológico que temos para estabelecê-la. Além disso, vemos que existe uma taxa...
A relação entre governança e confiança

A relação entre governança e confiança

 Diferente do que imaginava Marx, a meu ver, a tensão que existe na sociedade e vai definindo a história não é entre classes sociais, mas entre a população e as organizações que são criadas em cada uma das sociedades. As organizações sempre querendo se servir da sociedade e esta procurando evitar.  Nossa espécie, como disse aqui,...
Meritocracia digital politeísta

Meritocracia digital politeísta

Versão 1.0 – 23/09/2013 Colabore revisando, criticando e sugerindo novos caminhos para a minha pesquisa. Pode usar o texto à vontade, desde que aponte para a sua origem, pois é um texto líquido, sujeito às alterações, a partir da interação. Vimos que uma Revolução Cognitiva se caracteriza pela massificação de uma nova tecnologia cognitiva, que...
Círculos cognitivos de influência

Círculos cognitivos de influência

Versão 1.0 – 23/09/2013 Colabore revisando, criticando e sugerindo novos caminhos para a minha pesquisa. Pode usar o texto à vontade, desde que aponte para a sua origem, pois é um texto líquido, sujeito às alterações, a partir da interação. O conceito de círculos de influência detalha como construímos a verdade em uma dada sociedade....
A macro-canalização cognitiva

A macro-canalização cognitiva

Versão 1.1 – 24/09/2013 Colabore revisando, criticando e sugerindo novos caminhos para a minha pesquisa. Pode usar o texto à vontade, desde que aponte para a sua origem, pois é um texto líquido, sujeito às alterações, a partir da interação. Vimos aqui no fenômeno da Revolução Cognitiva  o raio-x do que significa a passagem de...
Wu: quando a visão pragmática tropeça

Wu: quando a visão pragmática tropeça

Versão 1.0 – 18/09/2013 Colabore revisando, criticando e sugerindo novos caminhos para a minha pesquisa. Pode usar o texto à vontade, desde que aponte para a sua origem, pois é um texto líquido, sujeito às alterações, a partir da interação. Caiu nas minhas mãos por acaso em um sebo o livro “Império da Comunicação” de...
O movimento anti-narrativo

O movimento anti-narrativo

Versão 1.0 – 10/09/13 Colabore revisando, criticando e sugerindo novos caminhos para a minha pesquisa. Pode usar o texto à vontade, desde que aponte para a sua origem, pois é um texto líquido, sujeito às alterações, a partir da interação. Bom, vivemos o fenômeno da Revolução Cognitiva. Há com a chegada de uma nova tecnologia...
O ser humano é um programa em aberto

O ser humano é um programa em aberto

Versão 1.0 – 03/09/13 Colabore revisando, criticando e sugerindo novos caminhos para a minha pesquisa. Pode usar o texto à vontade, desde que aponte para a sua origem, pois é um texto líquido, sujeito às alterações, a partir da interação.   Estou lendo o livro “Revolução da escrita na Grécia” de Eric Havelock. O livro...
Precisamos de teorias ninjas

Precisamos de teorias ninjas

Versão 1.0 – 03/09/13 Colabore revisando, criticando e sugerindo novos caminhos para a minha pesquisa. Pode usar o texto à vontade, desde que aponte para a sua origem, pois é um texto líquido, sujeito às alterações, a partir da interação. Estive lendo o novo livro do Castells sobre as manifestações. “Redes de indignação e esperança...
Como ler menos e saber mais? Textos completos.

Como ler menos e saber mais? Textos completos.

  Debates sobre o tema extraídos dos vídeos no Canal do Youtube. http://nepo.com.br/2013/06/04/como-ler-menos-e-saber-mais-curso-on-line-gratuito-sem-acompanhamento/ http://nepo.com.br/2013/07/02/como-ler-e-saber-2a-temporada/ Como ler menos e saber mais? – Primeira temporada Texto bruto a ser trabalhado! Fase básica 1. O conhecimento pós-revolução cognitiva   2. A passagem de um conhecimento sólido para um líquido   3. Estamos “desfiltrados”!   4. A qual problema...
A baixa taxa de abstração

A baixa taxa de abstração

 Uma alta taxa de abstração é fundamental para o diálogo, para a troca, para a inovação e para a colaboração, infelizmente não é o que temos como padrão hoje depois de décadas de ditadura cognitiva. Versão 1.0 – 14 de dezembro de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar o autor, colocar um...
Mundo 2.0: o que vi de melhor por aí em 2012!

Mundo 2.0: o que vi de melhor por aí em 2012!

O MELHOR QUE VI POR AÍ EM 2011! Bom, o ano acabou, fiz aqui minha lista dos melhores do ano no mundo 2.0. Espero que seja um bom resumo para vocês. Projetos relevantes: Waze - rede social para facilitar o trânsito; Taxibeat - rede social para uso mais eficaz do táxi; Livros relevantes: Mídias sociais...
A "formiguização" humana

A “formiguização” humana

 A chegada do mundo 2.0 marca o início da passagem de um mundo do bando/matilha centralizado em líderes/alfa para o modelo muito mais formigueiro, gerenciado pelo rastro que vai sendo deixado por cada “formiga”. Versão 1.1 – 26 de novembro de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar o autor, colocar um link...
A lei topológica do poder

A lei topológica do poder

 Estamos aprendendo que quanto mais antiga for a topologia de rede, mais ela tende a ficar obsoleta, pois as autoridades escolhidos dentro desse ambiente aprendem a dominar os macetes da representação, os canais de circulação de ideias e mudam, muitas vezes, as normas, a seu critério, para se manter como autoridades cada vez mais ilegítimas....
Gestão e topologia de rede

Gestão e topologia de rede

 A diferença entre as duas topologias é gritante, pois estamos aprendendo que é a topologia de rede quem define a cultura da sociedade (incluindo a organizacional), condicionando a política, a economia e o ambiente social e não o contrário. Versão 1.0 – 13 de novembro de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar...
É a topologia, mané!

É a topologia, mané!

O que estamos aprendendo é que quando uma tecnologia cognitiva reintermediadora chega ao mundo, ela vem construir uma nova topologia de rede. E essa nova topologia de rede muda o mundo e as organizações vão na aba. Versão 1.0 – 24 de setembro de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar o autor,...
O que importa hoje são as fórmulas

O que importa hoje são as fórmulas

O mundo é tão sólido, porque as ideias eram controladas. Num mundo de ideias descontroladas, tende a ser mais líquido. Versão 1.0 – 09 de outubro de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar o autor, colocar um link para o blog e avisar que novas versões podem ser vistas no atual link....
Resumopedia - o filtro dos livros

Resumopedia – o filtro dos livros

 Não temos mais tempo para ler todos os livros, por isso precisamos de um ambiente para criar resumos inteligentes. Ainda não acordamos para a mudança radical que estamos vivendo no mundo do compartilhamento do conhecimento pós Internet. Estamos saindo do ambiente da escassez das fontes e indo para o da multiplicidade delas. Isso requer algumas mudanças...
Os impasses do jornalismo 1.0

Os impasses do jornalismo 1.0

 A indústria de notícias é uma que mais sofre diretamente e mais fortemente a chegada da Internet, pois esta mexe com algo básico daquela indústria: a maneira de controlar e distribuir informação. Versão 1.0 – 11 de setembro de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar o autor, colocar um link para o...
Gestão 2.0 - o que é?

Gestão 2.0 – o que é?

Assim, não é a Internet que vai se adaptar à atual gestão, porém a atual gestão que vai se adaptar à Internet. Versão 1.0 – 03 de setembro de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar o autor, colocar um link para o blog e avisar que novas versões podem ser vistas no...
O DNA 2.0: desintermediação

O DNA 2.0: desintermediação

 Uma tecnologia quando passa a invisível, vira cultura. Versão 1.1 – 08 de agosto de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar o autor, colocar um link para o blog e avisar que novas versões podem ser vistas no atual link. Estive com os alunos do curso de pós-do Senac de Mídias Interativas,...
Existirão organizações 1.5?

Existirão organizações 1.5?

 Já existem hoje modelos de organizações que estão funcionando e ganhando dinheiro com novos modelos de gestão, que chamamos 2.0. Se isso é possível, há algum tipo de hierarquia, que define um foco e corre atrás dele, a maneira de se fazer isso que é diferente das tradicionais. Versão 1.0 – 30 de julho de 2012 Rascunho –...
Por que não estão colaborando na minha nova intranet 2.0?

Por que não estão colaborando na minha nova intranet 2.0?

 De maneira geral, os ainda incipientes projetos de migração de empresas tradicionais para o novo modelo 2.0 se concentram, de maneira geral, na introdução de ferramentas “colaborativas”, substituindo a velha Intranet por  ferramentas parecidas com o Facebook. Infelizmente, por mais que se esforcem, não estão funcionado. Vou tentar procurar algumas causas… Versão 1.0 – 05 de...
Mídia 2.0: onde estamos e para onde vamos?

Mídia 2.0: onde estamos e para onde vamos?

 Um mundo desfiltrado é um sonho anarquista, bonito, mas inviável! Versão 1.1 – 03 de julho de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar o autor, colocar um link para o blog e avisar que novas versões podem ser vistas no atual link.   Temos aquela velha fantasia da informação neutra. Porém, a...
O vírus metodológico

O vírus metodológico

 Se tudo estiver dentro do mesmo paradigma, dentro do mesmo ambiente, correndo sem crises, sem fortes mudanças de cenário, as metodologias, com filosofia e teoria embutidos, ajudam bastante. Porém, quando não é este o caso, ainda mais agora diante de uma Revolução Cognitiva, as metodologias vão ficando obsoletas e precisam de uma análise e diagnóstico...
A decadência do ambiente cognitivo impresso

A decadência do ambiente cognitivo impresso

O peixe não sabe o que é água – pois para ele a água é invisível – anônimo; Sim, não é fácil entender o que se passa com a sociedade depois da chegada da Internet. Estamos vivendo mudanças tão grandes, que nossa cabeça de semana seguinte se perde. Volta e meia alguém chega com uma...
Schumpeter 2.0

Schumpeter 2.0

 Schumpeter foi um dos que primeiro percebeu que o capitalismo é um ser que anda, em processo, auto-destrutivo, no qual quem está hoje cantando de galo pode amanhã estar na mesa sendo comido.   Versão 1.0 – 17 de maio de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar o autor, colocar um link para...
As empresas nativas digitais

As empresas nativas digitais

Se há geração digital, há também empresas digitais. São aquelas que foram criadas depois e vivem da Internet – a maioria já trabalha com uma nova lógica. Não, não são o folclore do capitalismo, mas o futuro do  capitalismo, marcando uma forte guinada inovadora na maneira de se fazer negócio para atender um mundo mais complexo, povoado...
Os dois mundos incompatíveis

Os dois mundos incompatíveis

“Não é o dono de diligências que constrói ferrovias” – Schumpeter – da coleção; Versão 1.1 – 14 de maio de 2012 Rascunho – colabore na revisão. Replicar: pode distribuir, basta apenas citar o autor, colocar um link para o blog e avisar que novas versões podem ser vistas no atual link. Vivemos um tempo diferente e estranho....