Feed on
Posts
Comments

Category Archive for 'Construção de Cenários para Futuro Mutante'

Primeiro, é importante perceber o contexto geral. Tivemos salto demográfico que nos levou a  aumento radical de complexidade. Tudo que vivemos nos últimos dois séculos de alguma forma foi influenciado por esse aumento. Porém, o aumento demográfico fica lá quieto no canto dele, querendo mudar o mundo mais não consegue, pois falta tecnologias que permitam. […]

Read Full Post »

Vejamos: Temos medo das mudanças; Quando temos mudanças desconhecidas na sociedade, acreditamos que a vida está se equivocando, não nossas filosofias e teorias sobre ela. Não percebemos que ele é feito de forças em movimento; De que algumas forças que provocam mudanças inesperadas precisam ser repensadas; Não atribuímos o peso adequado a hiper-força do crescimento demográfico, […]

Read Full Post »

Depois de mais de vinte anos estudando Revoluções Civilizacionais percebi que há duas forças desconhecidas que precisam ser melhor pensadas: Os efeitos da Complexidade Demográfica Progressiva na Macro-história humana – que gera demandas cada vez mais sofisticadas. Somos a única espécie que pode crescer demograficamente, pois mudamos nosso modelo de comunicação e administração no tempo; Revoluções […]

Read Full Post »

I O futuro é feito de forças em movimento. E forças já existem hoje contidas ou em expansão. Forças tendem a se expandir ou ser contidas, a partir de determinados gatilho. Um estudioso do futuro precisa conhecer o movimento das forças e seus gatilhos. II Mudanças muito diferentes demonstram apenas que existiam forças mal avaliadas. Algo […]

Read Full Post »

Não existe inovação sem que se tenha visão qualquer de futuro. Inovar, assim, não é manter. A manutenção é presente. Inovação é futuro. Inovação incremental lida com futuro de curto prazo; Inovação radical com futuro de médio prazo; E disruptiva de futuro de longo prazo.

Read Full Post »

As pessoas não têm medo do futuro. Tem medo da incerteza, da mudança de hábito. Quando o futuro se torna incerto, o medo aumenta. As pessoas gostariam que o futuro fosse igual ao presente. Mas as forças não ligam para esse desejo. Forças têm vida própria. E o humano está nesse barco sujeito à chuvas […]

Read Full Post »

Quando há mudanças, há forças em ação. Quando há mudanças desconhecidas, há forças desconhecidas em ação. Não imaginávamos que aquelas forças iriam provocar tais consequências. Não víamos determinadas forças adequadamente. Aí, temos uma problema de paradigma de cenário. O meu paradigma de cenário precisa entender as forças desconhecidas para poder  ações para se alinhar a […]

Read Full Post »

Toda força é um elemento vivo. Que tem demandas. Que estão em expansão ou contenção. Forças neutras não são forças, não estão vivas.

Read Full Post »

Um cenarista tem que separar: Forças – baixo impacto; Super-forças – alto impacto. Super-forças são estruturais e marcam eras civilizacionais. São elas: Massificação Tecnológicas (algumas mais do que outras); Climáticas; Conceituais (gênios que mudam nossa percepção); Demográficas. Super-forças impactam nas forças. Uma força menor  muitas vezes entra em movimento como sintoma da movimentação da força […]

Read Full Post »

É importante separar no estudo sobre futuro das forças: Impassíveis à ação humana; Passíveis de ação humana. Ou ainda taxa de capacidade de passividade/impassividade. A queda de meteoro de grandes proporções teria alta taxa de impassividade. O mesmo em relação: Ao clima; Ao aumento demográfico; A massificação de novas tecnologias; Pandemias inusitadas. São forças que […]

Read Full Post »

Universidades de maneira geral e no Brasil em particular foram feitas para consolidar e repetir padrões. Talvez inovar, mas não de forma disruptiva. Universidades foram feitas para certificar pessoas e ideias. Dar um carimbo de “acadêmico”. Universidades não trabalham, de maneira geral, em problemas, mas em produzir conhecimento para pessoas que vão resolver problemas. Universidades, […]

Read Full Post »

Já existem futuristas faz tempo. Só que a carteirinha de futurista não garante que se vá ver o futuro de forma mais eficaz. O futuro não é uma reta, mas espiral, que tem momentos de ruptura. Quando algo ocorre no presente que ninguém espera não é sinal de que a vida está ou é estranha, […]

Read Full Post »

O Administrador do Futuro é uma nova função necessária ao mercado. Suas atividades são: Criar cenários factíveis sobre o futuro; Descartar cenários sem base lógica, argumentativa ou factual; Analisar que novos paradigmas são necessários para compreender novas mudanças e ajudar a questionar os que dificultam; Promover a visão sobre o futuro de forma mais racional e menos […]

Read Full Post »

Vejamos. Um Gestor de Inovação é aquele que trabalha focado em que ideias saiam do papel e sejam transformadas em produtos e serviços. É alguém que promove mudanças na organização para que o ambiente se torne mais inovador. Diria que o perfil clássico do Gestor de Inovação é alguém que se capacita para incentivar que ideias […]

Read Full Post »

O projeto “Futuro sem medo” visa a criação de Núcleos de Futuro no Brasil. O papel dos Núcleos de Futuro é o de melhorar a nossa relação com o amanhã. Podem ser criados: Dentro de empresas; Associações de todos os tipos; Cidades; Escolas, Universidades. Os núcleos basicamente visam discutir como podemos reduzir a imprevisibilidade do […]

Read Full Post »

Hoje é comum se falar que é preciso inovar. Porém, é preciso entender, antes de tudo, por que não inovamos. Vou arrisca um palpite. Não inovamos, pois temos uma relação ruim com o futuro. A grande novidade do novo milênio é a passagem de um futuro certo para um incerto. Nossos pais e avós não […]

Read Full Post »

Era: período que começa com  fato  notável ou marcante e origina nova ordem. Uma nova era só surge, pois o Sapiens bateu em algum muro. E não conseguia superar. Uma nova era, portanto, tem sempre “uma escada”, que permite superar um determinado “muro”. E que permite que latências que estavam contidas naquele muro possam saltar […]

Read Full Post »

Além das tecnologias fins e meios, temos que separar para fazer cálculos sobre o futuro, temos que lembrar dois tipos de tecnologias relevantes: Tecnologias de alteração de vida – são aquelas que podem modificar a biologia humana. Ainda não temos algo desse tipo, mas se começarmos a ter humanos sem necessidade de comida, isso abre uma […]

Read Full Post »

É comum quando falamos de futuro confundir micros com macrotendências, pois confundimos tecnologias meios com tecnologias fins. Qual a diferença? Tecnologias meios – aquelas que permitem o desenvolvimento de outras tecnologias; Tecnologias fins – aquelas que tem um fim em si mesma. Como comparar? Se vivêssemos no passado, poderíamos dizer que a luz elétrica seria uma tecnologia meio, […]

Read Full Post »

As pessoas tendem a considerar que o futuro é incerto. Não é, tanto como imaginamos. Enquanto o ser humano precisar comer três vezes ao dia haverá certa previsibilidade. Podemos dizer que o futuro pode ser medido pelas latências contidas, que entrarão naturalmente em expansão, basta ter as condições para tal. O futuro é, assim, o […]

Read Full Post »

Acredito que foi Naisbitt que disse que o futuro é regional e não temporal. Há um pouco de futuro em cada área, setor, região. O futuro não é um exército que anda em bloco. Vai avançando, conforme as possibilidades. A resposta que gera valor, entretanto, é o que vai se espalhar e virar hegemônico na sociedade. […]

Read Full Post »

Hoje, é um dia importante aqui para este blog. Durante 11 anos persegui implacavelmente responder a algumas perguntas encadeadas: O que é a Revolução Digital? Quais são as causas e prováveis consequências? E o que podemos fazer parar reduzir riscos e aumentar oportunidades? Ao longo desse tempo, ministrei centenas de cursos, palestras e escrevi três […]

Read Full Post »